InternetData CenterAssinante

Tencati estreia com vitória e Tigre assume a liderança do quadrangular

Criciúma aplicou 2 a 0 no Ituano na tarde deste domingo, dia 10, no interior paulista
Tencati estreia com vitória e Tigre assume a liderança do quadrangular
Foto: Celso da Luz/ Criciúma E.C
Por Thiago Hockmüller Em 10/10/2021 às 17:59

Com novo treinador na casamata, o Criciúma mandou para longe o retrospecto ruim fora de casa ao longo da Série C e venceu o Ituano no interior paulista. O duelo na tarde deste domingo, dia 10, no estádio Novelli Júnior, em Itu, pela segunda rodada do quadrangular, teve justamente o planejado por Cláudio Tencati: organização e precisão. O Tigre fez 2 a 0, com gols de Claudinho e Dudu Vieira e agora é líder do grupo C.

Na próxima rodada, os catarinenses recebem o Botafogo no estádio Heriberto Hülse. A partida acontece no sábado, dia 16. Antes disso, na quarta-feira, dia 13, o Tigre duela com o Figueirense, no Orlando Scarpelli, pela Copa SC. Já o Ituano de Mazola Júnior é segundo colocado, mas pode cair na tabela após o confronto entre Paysandu e Botafogo, que acontece nesta segunda, dia 11. Na terceira rodada, o Ituano recebe o Paysandu, também no sábado. 


Claudinho fez um belo gol na vitória em Itu. (Foto: Celso da Luz/Criciúma EC)

Tigre no ataque

A preleção de técnico Claudio Tencati foi clara: “jogar pelo resultado”. E foi justamente isso que fizeram os jogadores do Criciúma no primeiro tempo contra o Ituano. Mesmo fora de casa, o Tigre iniciou melhor o duelo e aproveitou o bom momento para abrir vantagem no placar.

A primeira chance foi logo no primeiro minuto. Silvinho foi ao fundo e cruzou rasteiro. Matheus Mancini fez a cobertura e cedeu o escanteio. Na cobrança, Claudinho pegou o rebote e mandou em direção ao gol. A bola foi desviada no meio do caminho e ficou com Pegorari. 

Os catarinenses seguiram com mais posse de bola e colocaram em prática outro pedido do novo treinador: organização. Pelos lados, o Tigre tentava chegar na área adversária. Aliás, o rival demorou para se encontrar em campo e só acordou na partida após sofrer o gol. Aos 19, Silvinho achou Claudinho dentro da área e livre. Desta vez, o lateral-direito não desperdiçou. Ajeitou a bola e mandou um chute forte, no canto direito, sem chance de defesa para Pegorari. 

Donos da casa crescem na partida

Líder do grupo, o Ituano resolveu jogar futebol e passou a criar oportunidades. A primeira foi justamente logo após o gol do Criciúma. Pacheco cruzou para Tiago Marques. Livre na pequena área, ele não alcançou a bola e desperdiçou a chance. 

O Tigre, por sua vez, não se acuou e seguiu bem distribuído em campo. Aos 36, quase marcou o segundo. Henan recebeu na direita e cruzou rasteiro, Silvinho chegou desequilibrado na bola e acertou o companheiro, sorte dele que o árbitro havia sinalizado impedimento.

O Ituano teve mais duas chances para empatar no primeiro tempo, desperdiçou as duas. Primeiro Leo Duarte cabeceou sem precisão um cruzamento de Mário Sérgio. Depois, aos 43, os paulistas pararam em grande intervenção do goleiro Gustavo. Gerson Magrão cobrou falta com categoria, e o camisa 1 foi buscar.


Tigre é líder do grupo C, com quatro pontos.

Na pressão

A segunda etapa foi bem diferente da primeira. O Ituano voltou do vestiário disposto a empatar a partida e passou a ter volume de jogo. Já no primeiro minuto, Gérson Magrão aproveitou rebote e finalizou com força, a bola passou muito perto da trave. Aos cinco, Gustavo saiu afobado do gol e a bola sobrou para Tiago Marques, que desperdiçou mandando por cima. Sem criar chances na segunda etapa, Eduardo tentou surpreender cobrando falta em direção ao gol, só que ele estava quase que no meio-campo. Atento, Pegorari fez a defesa.

Com sua equipe esfriando no jogo, Mazola Júnior fez três substituições: trocou Tiago Marques, Mário Sérgio, João Victor e Léo Duarte, por Fernandinho, Rhuan, Iago Telles e Kadu Barone. Tencati respondeu trocando Fellipe Mateus e Henan por Luiz Paulo e Hygor. 

Tigre fecha a conta

As alterações deram certo para o Criciúma, que fechou o placar aos 36. Silvinho puxou rápido contra-ataque pela esquerda e cruzou na medida para Dudu Vieira. O volante pegou de primeira, sem deixar a bola cair e finalizou no canto. O árbitro Douglas Schwengber da Silva ainda esperou análise do árbitro de vídeo para confirmar o gol.

Depois, Tencati ainda fez mais duas substituições para esfriar a partida: trocou Silvinho por Dudu Figueiredo e Eduardo por Renan Areias. Antes do final do duelo, o meia Lucas Nathan deu um carrinho com a perna levantada e foi expulso pelo árbitro, que encerrou o jogo logo depois. 

Ficha técnica para Ituano 0x2 Criciúma

Competição: Campeonato Brasileiro da Série C, 2ª rodada do quadrangular.

Data: Domingo, dia 10 de outubro.

Local: Estádio Novelli Júnior, em Itu (SP).

Horário: 16 horas

Arbitragem: Douglas Schwengber da Silva (RS) apita o jogo, auxiliado por Fabrício Lima Baseggio (RS) e Maíra Mastella Moreira (RS).

Público: 1.177 torcedores pagantes

Renda: R$ 15.095,00

Cartão amarelo: Tiago Marques, Mário Sérgio, Jiménez (ITU); Dudu Vieira, Gustavo (CRI).

Cartão vermelho: Lucas Nathan (ITU).

Gols: Claudinho (19’ 1°T) e Dudu Vieira (36’ 2°T) (CRI);

Ituano: Pegorari; Pacheco, Mateus Silva, Matheus Mancini e Mário Sérgio (Rhuan); Jiménez (Lucas Nathan), Léo Duarte (Kadu Barone) e Igor Henrique; Gérson Magrão, Tiago Marques (Fernandinho) e João Victor (Iago Telles).

Técnico: Mazola Júnior.

Criciúma:  Gustavo; Claudinho, Rodrigo, Marcel e Hélder; Dudu Vieira, Leo Costa, Eduardo (Renan Areias) e Fellipe Mateus (Luiz Paulo); Henan (Hygor) e Silvinho (Dudu Figueiredo).

Técnico: Cláudio Tencati.